sexta-feira, março 01, 2013

Ultra Trail “Ad Hoc”

O termo “ad hoc”, do latim, é normalmente utilizado para justificar uma especificidade que varia do significado normal do acto, ou experiência. Neste caso, será um Ultra Trail, que se distingue dos demais por não ter, nem partida em conjunto, nem chegadas ao sprint, sob pressão de tempos cronometrados para a geral, sem aglomeração de atletas, e sem sequer um trajecto para percorrer. O que a distingue das demais corridas é precisamente o facto de os atletas escolherem além do trajecto, tempos de descanso, paragem e abastecimentos, escolherem também a hora de saída, tendo uma janela para o fazer de 12 horas na Ultra, ou de 3 na distância mais curta, desde que respeitem o tempo limite de prova. Claro está que o tempo de prova só começa a contabilizar a partir da saída.

refúgio

Estou a falar da Ultra Trail Picos da Europa que se vai realizar no final de Julho, nas distâncias de 120 ou 50 km, e cujo tempo limite será de 50 horas para a distância mais longa, ou de 25 para a mais curta. A corrida é feita em par, em regime de autonomia total, com possibilidade de ter nos pontos de controlo (refúgios de montanha) outros elementos ligados à equipa, que possam fornecer equipamento, abastecimento ou outros apoios que sejam necessários. Podem-se utilizar mapas, gps, bússolas, ou outros elementos de apoio à orientação no terreno da prova.

picoeur

Será com certeza uma prova de sonho, com imagens e momentos espectaculares, num ambiente único, diria mesmo de sonho, para se fazer uma prova extrema, em que o apoio é o companheiro de equipa.

432px-Carlos_de_Haes_-_Los_picos_de_Europa

Arrisco-me desde já a organizar uma equipa de apoio para quem se atrever a inscrever-se na prova.

Quem se atreve?

4 comentários:

  1. Alinho Rui:-) mas apenas nos 50 km, acho que deve ser fantástico. Espero ter companhia.

    ResponderEliminar
  2. Que grande prova!
    Pena eu já não ter esqueleto para essas vidas!

    ResponderEliminar

Diga, diga: